Atravessamos um período menos fácil, onde as rotinas diárias nos foram temporariamente limitadas ou completamente alteradas. Para os mais novos, parece quase um período de férias em casa, contudo, para os mais graúdos, é algo que causa preocupação no presente e apreensão relativamente ao futuro.

Apesar de tudo o que esta pandemia nos faz passar, pergunte-se, há quanto tempo estava a ponderar passar mais tempo em família? Há quanto tempo estava para experimentar fazer aquela receita que tinha guardado? Não andava a precisar de relaxar um pouco?

Pois bem, ficar em casa também parece oferecer-nos algumas oportunidades que de outra forma não teríamos. Desde o trabalho remoto, a estar mais tempo com os seus e ainda desfrutar mais da sua casa, temos também a oportunidade de cuidar melhor da nossa alimentação. Foi neste sentido que lhe viemos sugerir algumas receitas que poderão ser feitas por todos e para todos. Lembre-se, os mais novos são cheios de curiosidade por natureza, e a cozinha pode e deve ser um local onde o manipular dos alimentos, mais do que permitido, deve ser incentivado. É o local ideal para que, no meio de cheiros e sabores, se transmitam conhecimentos culinários e historias de família que devem ser recordadas.

Experimente as suas e as nossas receitas, aproveite para reunir a sua família à mesa, para conversar e ficar ainda mais próximo daqueles que nos são mais próximos. E quem não gosta de uma refeição caseira?

De seguida, apresentamos-lhe algumas sugestões de receitas leves, equilibradas e fáceis de fazer em família. Pedimos-lhe apenas que tenha atenção aquando do corte de alimentos e da utilização do fogão pelos mais pequeninos. Atribua-lhe as tarefas mais simples, como o retirar os alimentos dos locais de armazenamento. Deixe-os ajudar a reunir os utensílios necessários para a confeção da refeição ou a mexer e a adicionar os ingredientes, quando necessário. Já os mais crescidos, podem e devem ajudar em todos os passos e ainda experimentar variações das receitas.

Frango Crocante com Alho e Orégãos (2 pessoas | 20 min.)

Ingredientes

  • 2 peitos de frango, limpos de ossos e pele (cerca de 120g/ porção)
  • 2 fatias grossas de pão integral com sementes (cerca de 2 cm/porção)
  • 1 a 2 dentes de alho picados
  • 1 limão
  • Orégãos secos q.b.
  • Flor de sal e pimenta preta q.b.
  • 1 c. sopa de azeite

Preparação:

  • Comece por temperar os peitos de frango com sumo de limão, alho, pimenta preta e sal e reserve no mínimo por uma hora. Pode optar por temperar na véspera e deixar a repousar no frigorifico até à hora da confeção.
  • Coloque os peitos de frango entre duas folhas grandes de papel vegetal e comprima com uma frigideira até ficarem com cerca de 1 cm de espessura e reserve.
  • Corte o pão e coloque o mesmo num robô de cozinha, adicione alho e orégãos, triture tudo ate obter uma mistura ligeiramente granulada e coloque esta mistura num recipiente.
  • De seguida, pegue nos peitos de frango e envolva-os com a mistura de pão ralado e volte a comprimi-los entre o papel vegetal, de modo a que o pão adira aos mesmos, e a espalmá-los um pouco mais.
  • Coloque uma frigideira antiaderente com 1 colher de sopa de azeite, em lume médio, e salteie os peitos de frango durante 3 minutos de cada lado ou até ficarem com um tom dourado e crocante. Retire da frigideira, coloque num prato ou travessa, corte-os em fatias e retifique os temperos. Pode servi-los com quartos de limão para espremer por cima e ainda acompanhá-los com uma salada fresca ou legumes.

Couves de Bruxelas com Alho (2 pessoas | 20 min):

Ingredientes

  • 300g de couves-de-bruxelas
  • 2 dentes de alho
  • 30 g de pistácios ao natural e sem casca
  • 2 colheres sopa de requeijão
  • 2 c. sopa de azeite virgem extra
  • Agua q.b.
  • Flor de sal e pimenta preta q.b.
  • 1 romã (opcional)

Preparação

  • Lave muito bem as couves-de-bruxelas, retire as folhas exteriores e corte-as ao meio. Disponha-as numa camada única, com o lado cortado para baixo, numa frigideira antiaderente grande, em lume forte e deixe tostar por 5 minutos.
  • Enquanto as couves cozinham, pique com uma faca ou esmague os pistácios num almofariz e reserve.
  • Descasque os alhos e lamine-os finamente. De seguida adicione-os à frigideira com as couves, acrescente uma colher de sopa de azeite e cerca de uma colher de chá de água e deixe cozinhar durante mais um minuto.
  • Divida o requeijão pelos pratos, coloque por cima as couves-de-bruxelas, polvilhe com os pistácios, regue com 1 c. sopa de azeite e tempere com flor de sal e pimenta preta.
  • Caso queira usar a romã, pode cortá-la ao meio, espremer metade para obter o seu sumo, e pode extrair as bagas da restante metade da romã. De seguida, pode regar com o sumo e polvilhar as sementes no prato final.

Carpaccio de Ananás dos Açores (4 pessoas | 15 min.)

Ingredientes

  • 1 ananás dos açores maduro
  • Raspa e sumo de 1 lima pequena fresca (caso não tenha lima, pode optar por 1 limão pequeno)
  • Mirtilos (100g)
  • 4 colheres de sopa de iogurte proteico sólido de sabor a coco
  • 1 raminho de hortelã fresca (30g)
  • 1 a 2 colheres de sopa de azeite virgem extra

Preparação

  • Comece por cortar as extremidades do ananas e descasque-o. De seguida, corte o ananás em quartos, retire o centro fibroso e lamine finamente toda a polpa do mesmo, a seu gosto, e coloque-as numa travessa grande ou em tacinhas individuais.
  • Nesta fase pode laminar também os mirtilos ou adiciona-los inteiros à travessa/tacinhas.
  • Lave muito bem o raminho de hortelã fresca, retire as suas folhas dos caules e divida em duas porções.
  • Coloque uma dessas porções num almofariz e esmague até obter uma pasta, depois adicione 1 a 2 colheres de azeite para fazer um azeite aromatizado. Caso não tenha almofariz, pode optar por fazer a mistura numa máquina de mistura de alimentos.
  • Incorpore parte deste azeite no iogurte e, com uma colher, distribua o iogurte sobre ou ao lado da fruta laminada.
  • Seguidamente, lave bem a lima, raspe a casca, esprema o seu sumo e adicione-os sobre a fruta.
  • Lamine a restante porção de hortelã fresca, espalhe-as por cima da sobremesa.
  • Para finalizar, pode regar a mesma com um fio de azeite, fica ótimo, mas é opcional.

Bom apetite!

Nutricionista Diana Vale (2987N)